Novo livro: "Constitucionalismo e Poder Doméstico" (Ed. Lumen Juris)

Como alguns de vocês devem saber, fora do ensino preparatório para carreiras jurídicas, que tenho desenvolvido como coordenador do Curso Ênfase, também realizo pesquisa em processo civil no doutorado da Universidade Federal da Bahia (UFBA), sob a coordenação do Prof. Fredie Didier Jr. O foco é o processo coletivo e o NCPC. Para além disso, também desenvolvi pesquisa junto à Universidade de Sevilha, na Espanha, dessa vez com foco em Direito Constitucional. Foi o objeto do meu segundo mestrado, que resultou na obra Constitucionalismo e Poder Doméstico: uma viagem pelas linhas constituintes ocultas, publicada em 2018 pela editora Lumen Juris. Ela pode ser adquirida nos seguintes links: - Amazon

Processo civil - Execução no novo Código de Processo Civil

O tema do processo de execução (agora também chamado de "efetivação" judicial) ainda causa muitas dúvidas em muitas pessoas. A disciplina da execução é bastante complexa no Código de Processo Civil e, ao mesmo tempo, desconhecida. Ocorre que, sobretudo em concursos da magistratura e advocacia pública, o tema tem sido muito cobrado em provas, razão pela qual é extremamente importante o seu estudo. Pensando nisso, elaborei o material de apoio abaixo (atualizado em julho de 2018), que sintetiza os principais pontos da execução no NCPC. Ficou de fora a execução contra a Fazenda Pública, que será objeto de uma publicação própria, sobre a Fazenda Pública em juízo. Espero que gostem! Para baixar o

Noções Gerais de Direito e Formação Humanística - Errata

Olá, meus amigos, como vão? É com muita honra que publicamos, em 2018, a nossa segunda edição da obra Noções Gerais de Direito e Formação Humanística (Ed. Juspodivm), voltada sobretudo para quem se prepara para os concursos da magistratura. Se você ainda não adquiriu o livro, segue o link: https://www.editorajuspodivm.com.br/nocoes-gerais-de-direito-e-formacao-humanistica-2018-2018 Infelizmente, algumas impressões do livro saíram com dois pequenos erros, que merecem a correção nessa postagem: Errata 1: na pagina 124, após a frase: "Sistematizando-se a estrutura prevista na Constituição, chegamos ao seguinte organograma:", deverá seguir a presente imagem: Errata 2: na página 212, após a frase

João Paulo Lordelo

 

Natural de Salvador, Bahia. Procurador da República (aprovado em 1ª colocação). Ex-Defensor Público Federal. Pós-doutorando pela Universidade de Coimbra. Graduado, mestre e doutor em Direito Público pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Mestre em Direito Constitucional pela Universidade de Sevilha (Espanha). Especialista em Direito do Estado. Professor de cursos de pós-graduação e preparatórios para concursos.

 

 

Postagens populares
Postagens recentes
Procurar postagens

CONTATO

  • YouTube ícone social
  • Facebook Long Shadow
  • Twitter App Icon
  • Instagram App Icon

© Site criado, editado e alimentado por João Paulo Lordelo.